Tudo sobre o algoritmo do Instagram

A maneira mais simples de entender como funciona o algoritmo do instagram é observar a forma em que essa rede social fornece o seu próprio feed pessoal para cada usuário, baseado na maneira em que eles interagem com a plataforma.

Para ficar mais claro, vamos explicar mais abaixo algumas regras que o algoritmo leva em consideração para conseguir aumentar o alcance do engajamento.

Como funciona?

Sabemos que o Instagram utiliza alguns critérios para exibir postagens no Explorer, além disso, ele também escolhe qual deles vem primeiro. Mesmo que você tenha trabalhado bastante no conteúdo para postar nas redes sociais, em sua maioria não alcança o resultado obtido através do algarismo do Instagram.

Isso porque, o Instagram utiliza vários algoritmos, como por exemplo, o algoritmo de monitoramento a o que os usuários fazem. 

Esses algoritmos trabalham classificando e processando vários objetos específicos, utilizando tecnologia de ponta para personalizar a experiência do usuário.

O que é bem diferente de quando o Instagram foi lançado, pois ele era uma simples plataforma que se vivia em ordem cronológica, fotografias. Mas, em 2016, após pesquisas feitas, eles descobriram que a maioria dos usuários não tinham tempo de ver 70% de todos os posts de seus amigos mais próximos.

Por isso, eles se aperfeiçoaram ao desenvolver um feed, que é onde classifica as publicações de acordo com a importância. Um exemplo disso, é que muitas vezes os usuários procuram as histórias que seus amigos mais próximos postam, mas também querem ver os novos conteúdos no Explorer, sendo assim existe o feed, ou Explorer e o reels, que cada um deles faz  uso do seu próprio algoritmo.

Mitos

De uns anos para cá ouvimos várias teorias sobre o algoritmo que o Instagram utiliza e como ele valoriza mais uns do que outros. Vejamos alguns deles:

  • Não existem postagens escondidas no Instagram. Isso quer dizer que, apesar dele organizar por ordem de  mais importantes, ao deslizar o feed você poderá encontrar todas as postagens que já foram feitas pelas contas que você segue.
  • Empresas. As contas para empresas não têm presença extra no feed.
  • Os vídeos não são favorecidos. A depender da frequência em que você interage com os respectivos formatos, seja ele vídeo ou imagem, vão ser os que estarão no topo da lista. Ou seja, se você ver mais imagens primeiro apareceram as imagens, entretanto se você ver mais vídeos aparecerá os primeiros vídeos.
  • IGTV, histórias e programas ao vivo não são favorecidos ou penalizados. A posição no feed desses programas é determinada pelo nível de engajamento, que é calculado em tempo real assim como os vídeos e as imagens.
  • Não existe um limite de postagens por dia nem penalidade ao fazer isso. A única coisa que o algoritmo faz é quando é liberado uma quantidade muito grande e de forma rápida de conteúdo no mesmo dia, que ele Intercala com outras postagens.

Para resumir, não existe um limite de hashtag, penalidades para os usuários, além disso pode se postar com frequência, e fazer qualquer coisa considerada excessiva. Entretanto, apesar de estarem todos no seu feed, ele está programado para mostrar os peixes que são mais importantes e que tem mais engajamento.

Na verdade, quanto mais postagens você fizer com conteúdos de qualidade, isso torna o crescimento da sua base de fãs um grande negócio. O que quer dizer que, você precisa se concentrar não só na quantidade de vezes que posta, mas também na qualidade de seus posts.

Se não fizer o giz de qualidade o seu conteúdo não vai conseguir ninguém engajamento, o que quer dizer que ele não aparecerá como prioridade no feed dos outros usuários.

Como é feita a classificação do conteúdo

Normalmente é no feed e no story que as pessoas procuram conteúdo e de seus amigos e familiares. É por esse motivo que existem cinco fatores chave que são de grande influência no algoritmo do Instagram para fazer a seleção de postagens de feed ponto final que são eles:

  1. Interesse

O feed é baseado nas contas e nos tipos de peixes que gostamos, que dá para ser visto pelo nosso histórico, não só nas postagens dos usuários que seguimos. Ou seja, quanto mais vemos um determinado tipo de postagem mas o algoritmo fornece esses posts no feed para vermos.

Podemos dizer que, o algoritmo do Instagram analisa todas as combinações de comportamentos que tivemos na plataforma, e apresenta mais desse tipo de conteúdo. 

Isso vai além das contas com as quais nós mais interagimos. Ele abrange as fotos ou vídeos que formam os marcados, ou no tipo de publicação que costumamos comentar e gostar mesmo que não sigamos aquele perfil.

  1. Engajamento

Para o algoritmo do Instagram as interações que são mais importantes são as que tem mais engajamento, isso quer dizer que, existem o número de participação maior naquela publicação do que nas outras. Desta forma, elas são classificadas de acordo com o número de curtidas, o número de comentários, as vezes em que aquela publicação foi compartilhada, e as visualizações.

  1. Interações entre os usuários

É óbvio que ele busca priorizar as postagens que são feitas pelos seus familiares e amigos e as contas em que você curte. Sendo assim, se quiser que as publicações de uma pessoa sejam apresentadas primeiro, é necessário interagir nas publicações delas.

Um exemplo disso é quando você começa a seguir alguém, as publicações daquele usuário são apresentadas e o Instagram monitora sua maneira de interagir com essas contas juntamente com o seu nível de interesse por cada uma delas.

  1. Melhor momento para fazer postagens

Isso é referente ao nível de engajamento que a imagem Ovídio tem com relação a quanto tempo ela foi postada. Exibindo sempre os conteúdos mais recentes.

Desta forma para ter mais engajamento é necessário saber os horários em que a maioria dos usuários estão online. Esses horários estão de acordo com a rotina mais definida do usuários entre segunda e sexta-feira nos horários: 

  • Manhã das 7 horas às 9 horas;
  • à tarde das 13 horas às 15 horas;
  • a noite das 19 horas às 23 horas.
  1. Quantidade de pessoas que você segue

A quantidade de pessoas que você segue influencia na quantidade de informações que aparecem no seu feed, o que quer dizer que, se segue muitas contas, provavelmente não conseguirá ver todas as postagens.

Para concluir, vemos que apesar de existirem vários mitos sobre a valorização de alguns posts, podemos entender como eles realmente funcionam e o modo de agir do algoritmo do Instagram.

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.